Instagram e seu algoritmo: como funciona?

Clara Dias

Em 2016, o Instagram deixou de mostrar os posts de forma cronológica e passou a permitir que algoritmos escolham o que é mais relevante para cada usuário.

Na época, muitas pessoas não gostaram e até hoje, há pedidos para o retorno do feed antigo. Porém, segundo o Instagram, isso não será possível, já que os resultados gerados são positivos. Os usuários estão vendo mais posts e passando mais tempo conectados à rede social de fotos e vídeos.

Na última semana, o Instagram se juntou à imprensa nos Estados Unidos para explicar de que forma o aplicativo faz a seleção do que se vê no feed, isto é, o funcionamento do Instagram.

Com a mudança do feed cronológico para o atual, os usuários perdiam até 70% das postagens dos amigos. Entretanto, esse número mudou depois que os algoritmos começaram a trabalhar.

Segundo o aplicativo, o conteúdo que é postado por 800 milhões de perfis é visualizado 90% das vezes.

Isso só se torna possível em decorrência do machine learning, que é quando o algoritmo “aprende” o uso. Ainda que usuários diferentes sigam os mesmos perfis, o feed será personalizado.

Para isso, o algoritmo considera três fatores principais:
Interesse: o algoritmo analisa em tempo real as postagens, prevendo o que é mais importante baseado no histórico do usuário;

Novidade: o Instagram prioriza as publicações mais recentes em detrimento das mais antigas;
Relacionamento: leva em conta a proximidade que você tem da pessoa que fez a publicação. O medidor é quantidade de interações feitas, como likes e comentários.

A frequência que o usuário usa o aplicativo, a quantidade de perfis seguidos. Além do tempo gasto no Instagram, também são consideradas pelo algoritmo.

Se você passa muito tempo na rede social, o algoritmo vai fazer com que você receba uma variedade de posts de perfis diferentes. Mas, se você usa o app em um curto período do dia, o algoritmo te mostrará apenas o que julgar mais relevante.

TAGS: ,
1

Clara Dias

Estudante de jornalismo que tem uma queda por Marketing Digital e viajante nas horas vagas.

Deixe uma resposta