Como criar um planejamento anual de Marketing para sua empresa?

Letícia Souza

Escrito por Letícia Souza

23 | 12 | 2022
Tempo de leitura 3 min de leitura

“Para quem não sabe aonde quer chegar, qualquer caminho serve“.

Essa conhecida frase de Lewis Carroll, autor do clássico Alice no País das Maravilhas, pode parecer poética, mas traduz a essência do quanto um planejamento pode ajudar na execução de tarefas e atingimento de metas. Isso porque ele serve como um guia que irá te manter focado nas etapas que devem ser percorridas para chegar a um objetivo específico, com prazos e ações necessárias.

Isso vale para a vida pessoal, mas principalmente dentro do contexto organizacional.

E se você quer aproveitar o final do ano para traçar o melhor caminho para sua empresa em 2023, vamos entender o passo a passo para um planejamento de marketing realmente efetivo.

8 Etapas para um bom planejamento de marketing

Algumas etapas precisam ser cumpridas para a construção do planejamento anual de marketing:

1. Definição dos objetivos organizacionais e de marketing

2. Alinhamento de metas

3. Análise de mercado

4. Públicos e Canais

5. Orçamento

6. Estratégias

7. Plano de ação

8. Acompanhamento e ajustes

Definindo os objetivos

Um planejamento anual de marketing só pode ter início a partir da definição de objetivos. Imagine que você fará uma viagem de férias – o primeiro passo é estabelecer o destino, assim será possível estimar tempo, gastos e meio de transporte, por exemplo.

O mesmo acontece no âmbito dos negócios. Primeiramente, a empresa precisa saber claramente quais resultados pretende atingir, como faturamento, posicionamento esperado, regiões a serem atendidas ou número de lojas.

A partir da definição dos objetivos organizacionais é que são definidos os objetivos de marketing e comunicação, sempre com sinergia.

Estabelecendo metas

Se os objetivos nos mostram aonde queremos chegar, as metas são responsáveis por tornar qualquer resultado palpável e passível de ser medido. Nesta etapa, você poderá definir quantitativamente cada objetivo, o prazo para atingi-los e quais variáveis precisam ser acompanhadas.

Analisando o mercado 

Sabendo aonde você quer chegar e quais as metas definidas, é sempre relevante analisar o mercado e entender se as oportunidades e ameaças irão interferir de alguma forma no planejamento, e também ter clareza das potencialidades e pontos de melhoria internos.

A matriz SWOT é uma excelente aliada para este diagnóstico.

Públicos e canais envolvidos no planejamento 

Nesta etapa, é importante mapear os públicos que serão impactados com as estratégias desenvolvidas no planejamento.

Ter uma segmentação bem estruturada tanto dos clientes da base atual quanto dos prospects facilita o processo e também garante maior assertividade, já que a partir do conhecimento do público você terá entendimento das necessidades específicas de cada um e, principalmente, direcionar suas ações para os canais corretos, onde estas pessoas ou empresas estão presentes.

Quanto vai custar essa brincadeira?

A verba disponibilizada para execução de um planejamento de marketing costuma ser um assunto sensível, pois muitas empresas ainda não conseguem ter uma definição prévia de orçamento para que cada área utilize no decorrer do ano. Ou ainda, o budget autorizado não aparenta ser suficiente para alcançar todas as metas.

Independentemente do cenário em que sua empresa ou cliente se encontra, é fundamental que seja delimitado a previsão do quanto cada ação ou campanha irá demandar financeiramente.

Uma maneira muito prática é criar uma planilha detalhando mês a mês a estimativa de gastos. Dessa forma, você consegue ter uma visão geral da distribuição de verba, adequando às necessidades específicas de cada período, como sazonalidades.

Mãos à obra: criando as estratégias e plano de ação

Tendo mapeado todos os pontos acima, chega a hora de estabelecer as estratégias e o plano de execução.

As perguntas que deverão te guiar neste caminho são: o que é preciso fazer para atingir os objetivos de marketing definidos pela empresa? Por que isso é necessário? Como irei executar estas ações? Quem serão os responsáveis por cada etapa? Onde estas atividades serão realizadas? Quando cada ação será feita? E quanto irá custar?

Esta etapa é muito prática, por isso é importante que todos estes questionamentos estejam precisamente respondidos para cada campanha ou ação que você incluir em seu planejamento anual de marketing.

Aproveite este momento para notar também a integração necessária entre as demais áreas da empresa, para que todos estejam em sintonia e atuando pelas mesmas demandas.

De olho no resultado: acompanhamento e ajustes

Acompanhar os resultados é parte fundamental de um planejamento de marketing, e essa atividade precisa ser recorrente, afinal sempre há tempo de recalcular a rota e realizar ajustes quando um efeito não esperado é detectado com antecedência.

Neste quesito, as ações e estratégias de marketing digital saem na frente em relação ao offline, pois há possibilidade de visualizar o atingimento de metas, verba utilizada e fazer adequações de maneira mais rápida.

Com todas estas etapas devidamente estudadas e estruturadas, ficará muito mais fácil atingir os resultados esperados e levar a sua empresa a outro nível!

Sobre a Oxigenweb

A Oxigenweb é uma agência digital com 13 anos de experiência em criação de campanhas e ações para diversos segmentos, sempre de maneira estratégica e objetiva.
Conte com a expertise da equipe O2 para desenvolver o planejamento anual de Marketing da sua empresa.

Sobre o autor

Letícia Souza

Letícia Souza

Formada em Gestão Empresarial e especialista em Marketing, atua há mais de 10 anos na área. Olhar multidisciplinar e holístico construído pela vivência corporativa em diferentes contextos como moda, alimentos e educação. Paulista vivendo o êxodo urbano no Oeste Paulista, apaixonada por natureza, livros, design e memes.

Deixe seu comentário

5 × dois =